Golpe

A 9ª Subdivisão Policial de Maringá por meio de nota, comunica a sociedade maringaense e região, que tem chegado ao conhecimento da delegacia, que pessoas se passando por policiais ou representantes de sindicatos que representam a classe, tem procurado empresários da cidade de Maringá dizendo que estão angariando fundos para construção de standes de tiro ou melhorias na associação da Polícia Civil de Maringá.
Tendo em vistas estes fatos, a Polícia Civil esclarece que não solicita recursos financeiros diretamente a empresários, ao passo que as doações para aquisição de equipamentos para melhoria da prestação de serviços a comunidade, quando ocorrem, somente se dão por meio do Conseg (Conselho de Segurança de Maringá) que recebe e administra os recursos. Desta forma, para coibir esta prática criminosa, estamos instaurando inquéritos policiais para identificação dos responsáveis pelos crimes de estelionato praticados com a utilização no nome da Polícia Civil.
Ademais, pedimos a colaboração da sociedade na identificação dos criminosos, por meio de denúncias anônimas que podem ser feitas através dos números de telefone 197 e 33093100.