Samu Regional recebe cinco novas ambulâncias

O prefeito Ulisses Maia realizou nesta segunda, 23, a entrega de cinco ambulâncias ao Samu 192 Regional do Norte Novo. As Mercedes-Benz, modelo 415 Sprinter, foram repassadas pelo Ministério da Saúde e trarão mais segurança, agilidade e qualidade no atendimento, além de redução de custos com manutenção. Inaugurado em 2016, o Samu Regional é referência para Maringá e mais 29 municípios. O serviço está disponível para uma população de mais de 800 mil pessoas.
O evento contou com a participação do vice-prefeito Edson Scabora; do vereador William Gentil; do comandante do 5° Grupamento de Bombeiros, tenente-coronel Sérgio Lopes; do secretário de Saúde, Jair Biatto; do coordenador do Samu, Maurício Medeiros Lemos; demais servidores e convidados.
O prefeito Ulisses Maia ressaltou que a aquisição das ambulâncias se deve à habilitação e regularização do serviço. “Cumprimos o dever de casa, lembrando que existe a contrapartida do município para poder receber essas ambulâncias”, lembrou, elogiando o secretário de Saúde e o coordenador do Samu como referências de eficiência no serviço público. Maia também reforçou a importância de integração entre o Samu e o serviço do Corpo de Bombeiros, “instituições independentes e que não devem ser concorrentes”, assinalou.
O secretário de Saúde, Jair Biatto, fez uma retrospectiva das ações da pasta e enfatizou o trabalho de qualificação das bases do Samu. “Inauguramos a base do Samu Zona Norte, realizamos ações de conscientização com o projeto Samuzinho, entre outras ações de articulação da rede de emergência e urgência”, acrescentou.

De acordo com o coordenador do SAMU, Maurício Medeiros Lemos, o Samu de Maringá, já referência de resgate de acidentes veiculares no estado, busca ser exemplo para todo o país. “Agradecemos o prefeito e a todos servidores em realizar nossa missão, lembrando que estamos no caminho certo e sempre trabalharemos para fazer o melhor”, disse.
O vereador William Gentil parabenizou a administração em conquistar recursos com os governos estadual e federal. “A administração está em sintonia e cobra melhorias com os governos. Acompanho as atividades do Samu o qual tenho muito orgulho pela competência e eficiência”, destacou.
O comandante do 5° Grupamento de Bombeiros, tenente-coronel Sérgio Lopes, reconheceu a dificuldade do início da integração dos serviços, mas destacou o foco no doente e politraumatizado. “Temos um objetivo comum que é o atendimento, lembrando que em algum caso poderá ser nosso parente”, refletiu.