Philip Martin’s inicia projeto de expansão no Brasil e mira no centro e sul do país

Depois da bem sucedida implantação em Curitiba, a marca Philip Martin’s, empresa italiana líder na produção em cosméticos orgânicos, abre espaço para novos investidores. A boa notícia veio após o convite feito pelos detentores da empresa na Itália ao primeiro concessionário Philip Martin’s no Brasil, José Neuro Turcatto, em comandar o projeto Brasil de expansão da marca no país.


Segundo o empresário, as cidades de Londrina e Maringá no Paraná, Campinas/SP, e Balneário Camboriú/SC estão entre os locais escolhidos para novas concessões. “Quando recebi o convite para este desafio, pensei logo em grandes polos e locais onde o mercado da beleza tem força. Estas cidades com certeza estão abertas para receber o conceito orgânico e a nova forma de atendimento nos salões de beleza e centros estéticos”, conta Turcatto.
Com a expectativa de concessionar mais 30 unidades no Brasil no período de cinco anos, a Philip Martin’s vem com duas modalidades de investimento. Na primeira, há uma concessão do kit completo Philip Martin’s, com Salão de Beleza (HairSpa) e Loja Conceito (Concept Store) no mesmo espaço, montado ou remodelado conforme os padrões da marca. “A unidade Curitiba é um exemplo dessa modalidade de investimento. O projeto arquitetônico foi levado a risca e todo o mobiliário veio da Itália”.
Ainda nessa modalidade de investimento, os novos investidores poderão optar pela mobília produzida no Brasil, desde que estejam nos padrões previstos no contrato. De acordo com Turcatto, não precisar importar os móveis é um atrativo. “Quando abrimos em Curitiba, há marca não oferecia essa possibilidade de comprarmos os móveis no Brasil e tudo foi importado. Isso significa economia para o investidor porque a importação encarece o projeto”, explica.

Cosméticos

A segunda opção contempla também concessionários que já possuem um salão de beleza em funcionamento, mas pretendem migrar para um segmento seleto, diferenciando-se assim da concorrência, pois a marca homologará apenas uma unidade em cada cidade escolhida. Para estes investidores, fica vedada a utilização de cosméticos convencionais, exceto produtos não existentes no mix da Philip Martin’s como esmaltes e materiais de depilação.
Os móveis também podem ser reutilizados de acordo com as diretrizes da Philip Martin’s. “Um dos nossos objetivos é inserir o conceito saudável como opção dentro dos salões. O diferencial está na qualidade dos produtos orgânicos, livres de substâncias tóxicas e que não agridem a saúde da pele e dos cabelos. É uma tendência que se confirma a cada dia”, comenta.
Outro ponto esclarecido pelo empresário é com relação ao treinamento dos profissionais. Segundo ele, a unidade Curitiba está preparada para realizar o treinamento dos profissionais, já que a forma de aplicação e manuseio dos produtos é diferente, principalmente das tintas, que só podem ser utilizadas por profissionais treinados. “O treinamento contempla todo o histórico da marca, formas de uso e de aplicação, conceito orgânico e atendimento, além de ser uma excelente oportunidade para os profissionais que buscam aperfeiçoamento e diferenciais ”, diz Turcatto.
Para o empresário, “o exigente público curitibano serviu como termômetro para saber como os consumidores receberiam o conceito orgânicos fora do segmento de alimentos e o catálogo de produtos e serviços chamou muito atenção, assim como esperamos que aconteça em Campinas, que também tem um perfil exigente e de bom gosto”, conclui.
A Phillip Martin’s é uma empresa familiar, que nasceu na Itália e os cosméticos naturais e orgânicos conquistaram personalidades como a duquesa de Cambridge, Kate Middleton e o estilista Italiano Valentino Garavani, que já declararam publicamente usar os produtos da marca.