Dois homicídios no mesmo dia

484

No início da manhã de sábado (25), a Polícia Militar foi acionada para comparecer no Bosque das Grevíleas, na Zona 5, em Maringá.
Quando chegaram no endereço foi constatado o óbito de Bruno Nogueira, 23 anos. A vítima estava com marcas de perfuração por arma de fogo na face. O rapaz usava uma calça de moletom preta com listras de cor laranja, camiseta azul e boné preto. No bolso da calça havia uma chave de automóvel. Um carro VW Gol, com placa de Arapongas, foi encontrado estacionado na rua com as portas apenas encostadas. Nenhum documento foi encontrado com o rapaz.
Uma testemunha disse aos policiais que ouviu tiros no começo da madrugada de sábado. A cena do crime foi isolada até a chegada da perícia. O corpo de Bruno foi encaminhado ao IML de Maringá.

homicidio maringá

Logo após a Polícia Militar ter encontrado o corpo de Bruno Nogueira dentro do Bosque das Grevíleas, outra ligação foi feita ao 190 alertando que havia um rapaz caído nos fundos do Posto de Saúde do Conjunto Cidade Alta, também em Maringá.
Paulo Miranda Calixto, 32 anos, estava caído já morto com marcas de tiros no peito e cabeça.
A cena do crime foi isolada para que a perícia fosse feita antes da remoção do corpo. De acordo com informações de moradores do bairro, o rapaz seria andarilho e também era conhecido pelo apelido de “Pinguim”.
Alguns estojos de pistola foram localizados e recolhidos pela polícia. O corpo foi removido ao Instituto Médico Legal. Com mais essas duas mortes, Maringá registra o quarto homicídio de 2017. (inf/foto André Almenara)

Salvar

Salvar