Veja curiosidades sobre o inverno congelante da Noruega

O Globo Repórter exibiu dois programas especiais sobre a estação mais fria do ano na Noruega. A repórter Glória Maria mostrou, em dois programas, como é viver em um lugar onde o branco da neve domina a paisagem durante metade do ano. A equipe do Globo Repórter revelou que o inverno é muito natural para os noruegueses. A vida segue normal com qualquer tempo.

Noruega
Globo Repórter

Apesar do frio intenso, os noruegueses não ficam dentro de casa. Passeiam no fim de semana, almoçam ao ar livre, vão à praia e até mergulham na água geladíssima. Em uma pista de dois quilômetros de extensão e pura adrenalina, os trenós não têm freio e podem chegar a 20 quilômetros por hora. Glória Maria encarou o desafio e desceu a montanha gelada num desses trenós.
Glória Maria vive uma aventura gelada nos trenós noruegueses
E com tanto gelo e neve sobrando, o frio excessivo transformou Kirkeness, a segunda cidade mais fria da Noruega, em uma das atrações do inverno. Ali foi construído um dos mais antigos hotéis de gelo do país. Nossa repórter experimentou a sensação de dormir no local a – 4º C mesmo debaixo das cobertas.
Glória Maria vive uma fria em hotel de gelo da Noruega

Frio sempre dá uma fome, né? E nesta época do ano na Noruega, existe um prato muito típico: a língua de bacalhau. Glória Maria foi ao arquipélago de Lofoten, a região de pesca mais famosa do país, para ver de perto como é feita esta iguaria. Clique aqui para aprender também.
Glória Maria prova a língua de bacalhau
Globo Repórter
hhh

A neve faz parte do dia a dia dos noruegueses. Está nas estradas, nos telhados, nas portas das casas e até no aeroporto! Mas isso não é um problema. O aeroporto de Oslo, por exemplo, recebe 25 milhões de pessoas por ano. Dificilmente um voo atrasa, apesar do acúmulo de neve nas pistas e nos aviões. Tudo por conta de um esquema gigantesco e sustentável criado especificamente para isso.
Apesar da neve, esquema sustentável mantém aeroporto de Oslo funcionando

A natureza é vasta na Noruega. A paisagem por lá é linda e grandiosa o ano inteiro. O país é conhecido como a terra dos fiordes, os imponentes braços de mar. Percorrer um fiorde é como entrar num mundo mágico. Os paredões podem chegar a mil metros de altura.
Fiorde na Noruega
Globo Repórter
Cavalos islandeses também podem ser vistos pela gelada Noruega. Fortes e peludos, eles apareceram bem no caminho da equipe do Globo Repórter durante as gravações do programa. Esses animais vivem ao ar livre, mesmo com frio e vento. E adoram cavalgar pela neve.
Cavalos da Noruega
Globo Repórter
É nas montanhas da Noruega que vive o maior animal do país: o alce. Ele pode chegar a dois metros de altura e pesar mais de 700 quilos. Outra atração do inverno norueguês são as baleias, que migram para o país atrás dos arenques, peixes que elas adoram. São muitas orcas, baleias Jubartes. Um espetáculo inesquecível.

Para os brasileiros pode ser difícil imaginar viver em temperaturas tão baixas, mas os noruegueses sabem aproveitar o que o frio tem de melhor. O esqui, por exemplo é paixão nacional. As crianças aprendem desde muito cedo, a partir dos 3 anos. Para os noruegueses, o esqui é tão importante como o futebol no Brasil.
Crianças norueguesas aprendem cedo a esquiar

Desde que as Olimpíadas de Inverno foram criadas, a Noruega é a grande campeã. Um dos maiores incentivadores do esqui é o príncipe Haakon, que logo vai ser rei. Ele falou ao Globo Repórter da paixão do povo pelo esporte.
Príncipe da Noruega fala ao Globo Repórter da paixão do povo pelo esqui
No inverno as montanhas e os fiordes transformam a Noruega. A neve cria um cenário perfeito para a aventura. A cidade de Voss é conhecida também como um centro de esportes radicais. Mas os noruegueses também adoram passar um tempo ao ar livre aproveitando a calma e a tranquilidade dos dias mais frios. Mesmo no inverno, pescar nos fins de semana é um programa típico das famílias, e a e equipe do Globo Repórter acompanhou um grupo em dia de pescaria em um lago congelado.

O inverno é lindo, mas também tem muitos problemas. Um deles é que a neve acumulada nos telhados dos prédios, depois que vira gelo, pode cair na cabeça das pessoas. Em quase todos os lugares da cidade existem avisos, mas o excesso de gelo é retirado dos telhados quase o tempo inteiro, para evitar acidentes.
Nesta estação, as estradas que cortam a Noruega ficam muito perigosas, porque além do gelo que se acumula, muitas vezes o vento é fortíssimo. A equipe do Globo Repórter encarou a força de uma tempestade no meio da estrada. Em um trecho, carros, ônibus e caminhões estavam tombados.
O inverno na Noruega tem ventos fortíssimos

Nessa época do ano, muitos noruegueses sofrem de uma doença conhecida como depressão do inverno. Um mal que muita gente não consegue enfrentar. Em vários pontos do país existem cartazes com endereços e telefones onde essas pessoas podem buscar ajuda. Muita gente também espalha bilhetes, desenhos e frases positivas para motivar a população.
Veja a primeira parte do Globo Repórter na Noruega
Globo Repórter – Noruega, 21/06/2019
Veja a segunda parte do Globo Repórter na Noruega
Globo Repórter – Noruega II, 19/07/2019
Reveja 5 momentos de Glória Maria no inverno congelante da Noruega
Descubra se o inverno é a sua praia
O inverno chegou: reveja reportagens geladas do Globo Repórter