Uma vaia histórica

A colação de grau dos formandos da Universidade Estadual de Maringá, ontem no parque de exposições, é outra que entrou para a história. Registrou-se uma das maiores vaias já vistas para um deputado – ou melhor, para uma deputada.
A deputada estadual Maria Victoria Borghetti Barros, como de resto os demais deputados, não estava presente, mas enviou um representante, cargo comissionado do governo estadual. Foi anunciar e o local veio abaixo, em vaia uníssona.
A propósito: nenhum representante de outro político foi vaiado. (inf Angelo Rigon)