Tortato mantido na PM, secretário de segurança na corda bamba

(foto Gazeta do Povo)

A informação é de Celso Nascimento do site Contra Ponto que já está no Diário Oficial: “o governador do Paraná, Beto Richa, assinou decreto de reconvocação do coronel Maurício Tortato – medida necessária para evitar que ele deixasse o comando da Polícia Militar em razão da sua compulsória aposentadoria, prevista para o próximo dia 13.
A decisão sinaliza que o governador deu mais força à Polícia Militar e fez naufragar as tentativas do secretário da Segurança, Wagner Mesquita, que pretendia aproveitar a data da reforma de Tortato para substituí-lo por outro militar com quem teria maior afinidade no comando da PM.
As informações correntes dão conta também de que Mesquita será mantido, ainda que provisoriamente, como titular da secretaria de Segurança. Ou melhor: esta é uma decisão (ficar ou não ficar) que agora depende dele.”