Prefeitura repassa bicicletas adaptadas para três paratletas

Entrega das bikes adaptadas foi feita pelo vice-prefeito Edson Scabora, acompanhado do secretário de Esportes e Lazer, Valmir Fassina, da presidente do Provopar-Maringá, Eliane Maia, além de representantes da UMPM Clique para ampliar a foto
Entrega das bikes adaptadas foi feita pelo vice-prefeito Edson Scabora, acompanhado do secretário de Esportes e Lazer, Valmir Fassina, da presidente do Provopar-Maringá, Eliane Maia, além de representantes da UMPM

Paratletas da União Metropolitana Paradesportiva de Maringá (UMPM) receberam, nesta semana, duas bicicletas adaptadas adquiridas pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Sesp).
Criado em 1989 na Dinamarca, o modelo de bicicleta deu origem à modalidade paralímpica conhecida como “Petra”, que é praticada desde 2009 no Brasil como uma atividade dinâmica e veloz para os atletas com paralisia cerebral.
Os paratletas são classificados entre três diferentes classes: RR1, RR2 e RR3, sendo três o grau de menor gravidade.
Em Maringá, o esporte tem como representantes os paratletas Carlos Eduardo Rossi – da classe RR2, Edvan Dias de Souza – RR3 e Ricardo Alexandre de Souza – RR3. Os três são frequentemente convocados para representar o Brasil no Campeonato Mundial de Petra (CPISRA World Championship&RaceRunners Camp Cup) e já tiveram brilhante participação nos campeonatos de 2015 e 2016.
No ato de entrega das bikes aos paratletas, o vice-prefeito Edson Scabora destacou que uma das prioridades da gestão municipal é oferecer apoio ao esporte em todos os níveis. “O esporte é a minha ′menina dos olhos′. E acredito que é por meio dele, aliado à cultura e à educação, que se torna possível elevar o nível de toda uma sociedade e mudar o país”, enfatizou.
Para o secretário de Esportes e Lazer, Valmir Fassina, a relevância do esporte paralímpico e os bons resultados conquistados pelos atletas maringaenses nas competições disputadas justificam a elevação, já efetuada, nos valores de investimentos feitos no segmento pela administração municipal. “Esses bons fatores já motivaram neste ano um investimento dez vezes superior ao do ano passado, ou seja, de R$ 30 mil investidos em 2017, o esporte paralímpico passou a receber R$ 300 mil em 2018. Nosso objetivo é investir cada vez mais em todos os esportes”, assegurou.

Fator motivacional
Ao enaltecer a atenção e o empenho da administração municipal em auxiliar o desenvolvimento do esporte paralímpico, o presidente da UMPM, Paulo Reinaldo Rossi, garantiu que “a aquisição das bicicletas adaptadas representará mais uma motivação para o avanço dos paratletas nos treinamentos e, consequentemente, na elevação do nível de atuação nas competições em que eles estarão representando Maringá”.
O coordenador de Esportes Paralímpicos da Sesp, Silvio Podadeiro, explicou que a “Petra” – ou Race Running, como é chamada no exterior – é uma modalidade do atletismo onde os atletas correm com um triciclo sem pedais que é impulsionado com seus próprios pés, apoiando-se a uma armação com três rodas anexadas a um suporte para o corpo.
No Brasil, a Associação Nacional de Desportos para Deficientes (ANDE) é a entidade responsável pelo fomento e desenvolvimento das modalidades esportivas paralímpicas. “Esperávamos por essas bikes desde 2009 para participar das competições da ANDE“, revelou Podadeiro.

Provopar
No final da cerimônia de entrega das bicicletas adaptadas a presidente do Provopar-Maringá, Eliane Maia, agradeceu o empenho de toda a equipe de servidores da Secretaria de Esportes e Lazer pelo sucesso obtido na organização da 44ª Prova Tiradentes, disputada no último domingo pelas vias centrais de Maringá.
Neste ano, a inscrição na prova pedestre foi gratuita para os participantes. Entretanto, todos os mais de seis mil inscritos contribuíram com o Provopar fazendo a doação de um quilo de alimento não perecível no momento da retirada dos kits.
Se antes o depósito do Provopar estava quase vazio, hoje as prateleiras estão abarrotadas de alimentos. Afinal, a arrecadação total passou de seis toneladas de alimentos que já estão sendo repassados às entidades assistenciais do município. Adoro o esporte e agradeço a competência e dedicação de todos”, finalizou.