Prefeitura de Maringá devolve democracia às escolas

Terminou às 18h30 desta terça-feira (12) o processo de eleição direta para a escolha de diretores das 51 escolas municipais e 63 centros municipais de educação infantil (CMEIs) de Maringá.
Desde às 7h30, pais e responsáveis pela matrícula dos alunos da Rede Municipal de Ensino compareceram às urnas de votação instaladas em todas as escolas e CMEIs que apresentaram candidatos. Cada família teve direito a um voto, independente do número de filhos matriculados. Também tiveram direito a voto os professores do quadro do magistério e os servidores dos quadros operacional e administrativo, com exceção dos licenciados sem remuneração.
Participaram da disputa 188 candidatos que, antes mesmo da votação, tiveram os nomes avaliados por uma comissão paritária composta pela comunidade escolar, professores, pais e responsáveis e encaminhados à Secretaria de Educação.
Depois de serem analisados para homologação por uma comissão geral formada por representantes de vários segmentos da sociedade, os nomes de 99 candidatas foram deferidos para a disputa nos 63 CMEIs e 89 candidatas participaram da eleição nas 51 escolas municipais.
Os CMEIs Ângelo Viegas e Irmã Firmina não tiveram candidatas apresentadas e as diretoras serão nomeadas pelo prefeito Ulisses Maia, conforme legislação.
Puderam se candidatar os professores com graduação em Pedagogia ou pós-graduação em Gestão Escolar, efetivos do Magistério, que já tenham concluído o estágio probatório.
Para a secretária municipal de Educação, Valkíria Trindade, a votação transcorreu de forma tranquila e de acordo com as expectativas.
Foi um processo democrático extremamente importante, que dá voz e vez à comunidade escolar. Dentro do Plano Nacional de Educação, essa forma de gestão democrática teria um prazo até 2014 para ser implantada no município, mas, por decisão do prefeito Ulisses Maia, a escolha de diretores por meio de eleição direta foi antecipada em Maringá”, afirma, complementando que “é o cumprimento de mais uma promessa de campanha e determinante para que os novos diretores sejam, de fato, comprometidos com a qualidade da educação e, principalmente, com o aprendizado dos nossos alunos”, conclui.
No começo da noite desta terça-feira foi definida a contagem dos votos e conhecidos os nomes dos diretores eleitos, que terão um período de dois anos de gestão.
(confira aqui lista dos eleitos)