Policial civil fere com tiros e consegue prender autor de homicídio

O crime de homicídio foi registrado na tarde deste sábado (6)  na Rua São João, na Vila Santo Antônio, em Maringá. A vítima, Irineu Elo de Souza Soares, 35 anos, que era cadeirante, foi assassinado com golpes de faca no pescoço e a pedrada. Irineu estava em uma casa onde funciona um pensionato e também o local é usado para consumo e venda de drogas.
A vítima chegou a ter o pescoço degolado devido os ferimentos causados pela faca. No momento em que o autor do crime deixava o quintal da residência, um policial civil de Maringá que passava com a esposa que também é policial percebeu a ação do criminoso e tentou realizar a prisão do assassino.


Alexandro de Araújo Gomes portava uma faca e partiu pra cima do agente da 9ªSDP que efetuou em um primeiro momento dois tiros de advertência, mesmo assim o assassino não se intimidou e foi em direção do policial que deu mais dois tiros, Alexandro que tem 31 anos precisou ser socorrido por ambulância do Siate com apoio do médico do Samu.
O autor do homicídio foi ferido por um tiro no braço e outro no tórax.  Quando o assassino receber alta do Hospital Universitário será encaminhado diretamente a cadeia. (inf/foto André Almenara)