“Policia cancela mais dois CPFs de bandidos”

A Polícia Civil de Maringá matou dois bandidos em um confronto na noite desta terça-feira (25) no Jardim Monte Alto, na entrada da cidade de Doutor Camargo.


Os homens que estavam armados com pistola calibre .40 e um revólver calibre 38 efetuaram disparos contra os policiais da 9ªSDP que revidaram, atingindo dois ladrões que estavam se preparando para agir contra uma residência da cidade. Um terceiro marginal possivelmente foi baleado mas conseguiu fugir pelo mato.
De acordo com o chefe da Seção de Furtos e Roubos, Everaldo Fernandes, o trio é suspeito de participar de uma quadrilha especializada em furto e roubo de residências em Maringá, Sarandi e Cianorte.
Durante suas ações, os bandidos invadiam casas, faziam os moradores reféns e ficavam por horas saqueando os pertences das vítimas. Em um dos casos, esses mesmos assaltantes agiram no Jardim Eco Valley, em Sarandi. O crime foi no mês passado onde os bandidos humilharam e amarraram as pessoas, inclusive uma criança de apenas 6 anos de idade.

Um dos corpos foi identificado como sendo Paulo Sérgio Couto de Sá, 21 anos, o segundo foi Anderson Fernando da Silva, de 35 anos, da cidade de Sarandi. Um dos bandidos usava luvas para não deixar sua digital na arma. Os corpos foram periciados na cena do crime e depois recolhidos ao Instituto Médico Legal de Maringá.
O delegado-chefe da Polícia Civil, Pedro Fontana,  disse que só foi possível a localização dos bandidos depois de uma denúncia anônima que os investigadores receberam. Um quarto suspeito que estaria dirigindo um automóvel está sendo investigado pela PC de Maringá.(inf/foto André Almenara)