PMs têm de pagar o próprio uniforme, diz Secretaria de Fazenda do Paraná

De Celso Nascimento sobre a Sefaz, comandada por José Luiz Bovo:

A Secretaria Estadual da Fazenda entende que nos subsídios pagos aos policiais militares já está embutido o valor do fardamento que usam. Portanto, a renovação da fatiota deve ser paga pelos próprios PMs.
A questão ficou mais clara no início deste mês quando o comando do 19° Batalhão da Polícia Militar solicitou um jogo de fardamento do tipo “B1″ (safari) para os integrantes da Rotam – tropa especial treinada para a localização e prisão de quadrilhas do crime organizado, segurança de áreas conflagradas, tanto rurais quanto urbanas, roubos a banco, assaltos com reféns, latrocínio e homicídios, furtos e roubos de veículos).
A Diretoria de Apoio Logístico da Polícia Militar respondeu à Rotam que, se os policiais não comprarem do próprio bolso o fardamento safari, devem continuar usando o do tipo “RUPM A1”, ainda disponível. Segundo expediente, a secretaria da Fazenda argumenta que o valor referente ao uniforme não é descontado da folha de pagamento e, portanto, não é recolhido ao fundo especial que, antigamente, fazia a reposição dos fardamentos. (via Blog do Rigon)