Perseguição acaba com rapaz detido e droga apreendida

Pedro Henrique de Oliveira do Carmo, 22 anos, foi detido na tarde desta quinta-feira (24) após fugir de viaturas da Polícia Militar. O suspeito estava dirigindo um VW Golf de propriedade de uma tia quando não obedeceu uma ordem de parada dos policiais no Conjunto Santa Felicidade.

O condutor do automóvel conseguiu sair do bairro, acessou a Avenida Cerro Azul, na sequênciana Nildo Ribeiro da Rocha em alta velocidade.
Os policiais militares disseram que o rapaz correu tanto que o perigo de um acidente acontecer era eminente. No Conjunto Borba Gato, o jovem trafegou na rua dos Ipês onde mora uma tia. A PM cercou o motorista e realizou a abordagem. O carro estava com a documentação regular, a carteira de habilitação do motorista também. Os policiais localizaram na carteira de documentos pessoais uma certa quantia de maconha.
Uma familiar do rapaz começou fazer uma certa pressão dizendo que Pedro era filho do ex-vereador e agora eleito deputado estadual, Paulo Rogério do Carmo. Um oficial da PM deslocou até o local da abordagem e ordenou que o motorista fosse encaminhado à delegacia da Polícia Civil de Maringá por direção perigosa, desobediência e uso de entorpecente.
Pedro Henrique de Oliveira do Carmo aceitou a fazer o teste do etilômetro. O resultado foi negativo. O deputado Do Carmo que estava voltando para Maringá, parabenizou os policiais pela prisão do próprio filho. “Parabenizo os policiais. Fez coisa errada, tem que pagar”, disse o deputado, que também repudiou o ataque do rapaz à imprensa. (inf André Almenara)