Pais de jogador do Santos morrem em acidente na BR-376

409

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) confirmou no começo da tarde desta terça-feira (2) que duas vítimas que morreram no acidente de trânsito registrado na BR-376 , em Alto Paraná, na noite dessa segunda-feira (1º), são os pais do meia-atacante do Santos, Rafael Longuine. O acidente resultou em quatro óbitos.

acidente br

Wellington Longuine, 54 anos, conduzia um VW Fox, com placa de Santos, que era ocupado também pela esposa, Maria Fátima de Carvalho Longuine, 51 anos, e Lidia Ferreira de Carvalho, 52 anos, quando um caminhão com placa de Santa Maria do Oeste (PR), que seguia sentido Paranavaí, invadiu a faixa contrária e houve a colisão frontal entre os veículos, explicou a PRF.
Os três ocupantes do Fox e o motorista do caminhão, Marcelo Kovaleski, morador de Santa Maria do Oeste (PR), 55 anos, morreram na hora. Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico-Legal (IML) de Paranavaí.

Luto
O Santos decretou luto oficial de três dias e divulgou uma nota em seu site lamentando o falecimento dos pais do jogador, assim como as demais vítimas do
acidente. A assessoria de imprensa do time também afirmou que o meia-atacante foi dispensado e que prestará todo apoio para superar o difícil momento. (inf O Diário Maringá)

Salvar