O corpo fala

Se o corpo fala, ontem, no jantar de Jair Bolsonaro com formadores de opinião, ontem em Washington (EUA), o de Sergio Moro parecia dizer o oposto do que o maringaense afirmou em entrevista ao Estadão.
Registra o BR18 que ele defendeu sua ida para o governo federal, “não acusando o golpe das derrotas sofridas no seio do governo e das pressões que vêm do Congresso contra seu pacote anticrimes e para pulverizar as atribuições do Ministério da Justiça”. (foto Alan Santos)