Ninguém se entende

A política nacional começa a provocar cisões nos apoiadores de Bolsonaro em Maringá.
Fotos de integrantes do chamado comitê suprapartidário de Maringá com o ex-prefeito Silvio Barros II (PP) e do ex-vice-prefeito Willy Taguchi com o deputado federal Ricardo Barros, ganharam ‘avisos’ nas redes sociais.
Todo cuidado é pouco quando se trata de políticos, o comitê suprapartidário (Centrão de Maringá) com o irmão do Ricardo Barros… que votou contra o Sergio Moro”, escreveu Fernando Hipólito. “Essa é a nova política que estão querendo enfiar goela abaixo do povo, aquele que finge apoiar o Bolsonaro ao lado daquele que apunhala o Moro”, aduziu em outra postagem.
Você que é apoiador do #Bolsonaro e apoia o comitê suprapartidário de #Maringá, cuidado, pois está fazendo o mesmo que uma ovelha que convida o lobo para jantar!”, postou, por sua vez, o Soldado Pessuti, abaixo de fotos com o irmão mais velho, acrescentando outras duas de Taguchi com Barros e Cida e com o Delegado Jacovós, e pedindo: “Não se engane com as cores” (abaixo)


Como também tem sobrado para o MBL, que nacionalmente rompeu com o presidente, os próximos capítulos estão sendo aguardados: fotos dos críticos com o grande líder local do Movimento Brasil Livre.