Mulher que engoliu cocaína em Nova Esperança morre no HU

Larissa Ribeiro Suliano da Silva, de 25 anos, moradora de Nova esperança morreu na madrugada desta quinta-feira (9), ela deu entrada no Hospital Universitário de Maringá em estado gravíssimo nesta quarta-feira (8).
Larissa e seu esposo Rafael Ribeiro, de 30 anos, eram suspeitos de distribuir notas falsas. Após denúncia eles foram presos, quando ela soube que iria passar por revista íntima, e como ela também estava com o entorpecente, com medo do que poderia acontecer, em um ato de desespero engoliu a droga.
Ainda na delegacia de Polícia Civil ela teve uma parada cardíaca, rapidamente socorristas de Nova Esperança prestaram atendimento e a encaminharam para o Hospital da mesma cidade.
Como o seu estado era considerado grave o Helicóptero do Samu foi acionado para transportar a vítima. Chegando no HU Larissa teve outra parada cardíaca foi reanimada e encaminhada para a UTI, mas ela não resistiu e veio a falecer nesta madrugada de quinta-feira (9). (inf Eduardo Leandro)