Jovem é executado a tiros no Parque Tarumã

A Polícia Militar foi solicitada no início da manhã desta quinta-feira (2) para comparecer na rua Pioneiro Mauricio Duarte, no Parque Tarumã em Maringá. O denunciante relatou que havia uma pessoa morta na frente do portão de sua casa. Quando os policiais chegaram na residência encontraram um jovem caído com vários ferimentos causados por arma de fogo. A vítima foi identificada pelo nome de Luan Bento Ferreira, de 18 anos.
O proprietário da casa disse aos policiais que ouviu na madrugada vários estampidos de tiros mas que não levantou da cama para ver o que tinha acontecido. Apenas no início da manhã que abriu a porta e encontrou o cadáver caído na frente de seu portão.
De acordo com o perito criminal que esteve na cena do crime, a vítima de 18 anos foi baleada na cabeça, braços, costas e mão. Foram encontradas cinco perfurações no corpo de Luan.
Um par de chinelo possivelmente do autor do crime foi deixado próximo do corpo. O objeto foi apreendido pela Delegacia de Homicídios. Nenhum estojo de arma de fogo foi recolhido na rua. A polícia acredita que o criminoso usou revólver para matar Luan Bento. O corpo do rapaz foi encaminhado para o IML de Maringá.
O último crime de homicídio em Maringá tinha sido registrado em 2 de junho na avenida Mandacaru, com este soma-se 16 casos na cidade.(inf André Almenara)